ARTIGOS


CEM ATITUDES NUTRITIVAS

Nossa genética, já mapeada pelo universo científico, nos proporcionou informações preciosas para nossa vida atual e futura, porém em nosso dia-a-dia. Nossos desafios ainda continuam a nos impulsionar para comportamentos que, muitas vezes, nos despertam sentimentos, emoções e pensamentos que nem temos certeza que com eles atingiremos os resultados que desejamos.

Estamos sempre diante de decisões que nos impulsionam a uma atitude, que pode definir nosso comportamento, delinear nossos princípios, mapear nosso rumo, aprimorar nosso conhecimento, abrir nosso coração, implantar nossos valores e nos moldar nos conceitos da figura humana.

Nossas atitudes são como o guincho da âncora de um navio: ele é usado para lançar a âncora e manter o navio parado ou é usado para içar a âncora e liberar o navio ao destino de suas rotas. Assim como no guincho da âncora, nossas atitudes são o fator determinante na composição de nossas vidas.

São nossas atitudes que devemos monitorar através de nossa autopercepção, sabendo assim o impacto que elas causam em nossa maneira de existir e ao nosso redor.

Acredito que os dois momentos mais importantes de nossa vida são: quando nascemos e quando descobrimos nossa real missão de vida. E, nesta busca, o principal item de aprendizado é a jornada, onde o caminho ensina mais que o destino, momentos que temos de conviver com nossas atitudes.

Atitudes são frutos de escolha e decisão. Quando tivermos de promover uma ação que possa fazer de nossa vida um momento ainda melhor para nossa felicidade e nossa prosperidade, que seja pela escolha e decisão de Atitudes Nutritivas, pois através delas nossas vitórias serão reais e duradouras.

A partir de agora, darei uma extensa lista de atitudes nutritivas que podem fazer com que suas vitórias aconteçam mais rapidamente e o seu alto astral seja mais elevado para o dia-a-dia.

1 - Não somos heróis, mas quando os filhos nos vêem como tal, temos de dar o máximo para nos transformarmos em heróis e não decepcioná-los, e terminamos por descobrir que podemos ser heróis interessantes.

2 - O mecanismo de compensação está sempre acionando nossas decisões e terminamos fazendo isto por aquilo ou aquilo por isto. Aprendemos assim a buscar sempre um motivo para compensar nossas escolhas e nossos atos, e quando não conseguimos ativar o mecanismo de compensação, ficamos em dúvida sobre o que realmente é melhor para nós.

3 - A síndrome do “quase” nos deixando com sentimentos de que se passarmos perto daquilo que realmente nos faz bem, já está bom. Eu quase fui feliz... eu quase consegui aquele emprego... eu quase... Levando uma vida no “quase” não se chegará nunca onde realmente está nosso destino.

4 - O passado nos marca dolorosamente com lembranças desagradáveis, porém, nossa capacidade de reviver as lembranças agradáveis é tão poderosa quanto a de trazer à tona os desagradáveis... Cultive as boas lembranças e mantenha os sentimentos vívidos, as emoções de esperança e, simplesmente, se presenteie com a felicidade que já viveu, podendo revivê-la quando quiser.

5 - Quando se buscam motivos para não fazer algo, é impressionante como eles aparecem. São as desculpas “justificatórias” internas, nosso jeitão de explicar o porque somos tão ineficientes em ir adiante naquilo que poderia fazer diferença em nossa existência. Devemos procurar motivos para fazê-los e atuarmos em nossa vida, afinal, são eles nossa chance de viabilizar nossa maneira de ser.

6 - Algumas coisas nunca mudam e ficam adormecidas em nosso interior, esperando para serem despertadas. Encontrei entre algumas promoções de DVD um filme que marcou minha infância, que me deixou horas na fila do extinto Cine Amazonas, na Vila Prudente em São Paulo. Uma produção de Walt Disney, “Se Meu Fusca Falasse”. Comprei, levei para casa e antes de assistir com meus filhos, eu lhes expliquei que tinha a idade deles quando vi este filme pela última vez e também lhes falei das intensas horas na fila do cinema. Impressionante ver a reação deles durante o filme e depois de terminar, eram as mesmas que tive na idade deles. Agora, mesmo com uma geração de crianças mais sofisticadas com imensos recursos de tecnologia encantaram-se com um “Fusca” chamado Herbie. Assim somos nós, tão sofisticados em nossa armadura de sobrevivência e tão sensíveis em nosso interior de existência. Precisamos nos redescobrir em nossas reais emoções e sentimentos, exercitando este aprendizado em nosso dia-a-dia.

7 - Quando a empresa em que trabalha requer que você se desenvolva em suas capacidades e talentos, que mal há nisto? É através do desenvolvimento de nossas habilidades que vamos projetando nosso cérebro e nosso comportamento rumo ao desconhecido do conhecimento e podermos oferecer a nós mesmos resultados mais prazerosos, capazes de nos entusiasmar e nunca deixarmos de acreditar que podemos ser melhores naquilo que nos propomos a realizar.

8 - Brasileiro é bom de Marketing. Um dia vou convidar Kotler para conhecer como pessoas nos semáforos divulgam seus produtos. Tem gente vendendo castanha e amendoim quente graças a uma engenhoca com fogo, tem shows de mímicos e de malabares, tem saquinho com apelo literário num saco de balas adaptado para encaixar nos retrovisores, tem contrabando... tem de tudo para todos os gostos. O marketing de rua do brasileiro é ótimo, a turma usa mesmo a imaginação. A necessidade é a mãe da criatividade, já dizia o provérbio. Talvez seja um bom exercício: um faz de conta capaz de inventar necessidades para nossa vida e carreira. Quanta coisa boa poderia sair daí!

9 - A síndrome do mandar é interessante: quando se nota as pessoas dentro das organizações, tem sempre um grande número delas dando uma ordem, é ordem para lá, é ordem para cá, e como se sentem bem dando ordem. Mendigo deve ter cachorro para poder ter em quem mandar. Mandar talvez supra o vazio dentro de muitas pessoas que não se desenvolveram interiormente e precisam se impor de alguma maneira, nem que seja por uma estúpida ordem.

10 - Em meio a uma crise devemos praticar alguns comportamentos importantes: monitorar as reações, manter a eficácia nos instantes de estresse, procurar manter a calma em meio à tensão, avaliar o problema, manter o foco numa saída e procurar encontrar competências que auxiliem na solução.

11 - Integridade é defender os seus valores, aquilo que você acredita, é um fator tão importante numa carreira que, em algumas escolas de administração do mundo, já é matéria de aula.

12 - Muita gente sabe aquilo que deseja ser na vida, mas desconhece aquilo que precisa fazer para ser o que deseja na vida.

13 - Muitas organizações possuem procedimentos que abafam ou jogam toxinas em seu jeito de conseguir resultados. Procure organizações, em sua carreira, que possam lhe fazer crescer, sejam estimulantes e possuam oportunidades.

14 - Tente, tente as novas idéias, pois elas são como o botão de uma rosa, fáceis de matar.

15 - Emoções tornam rica a vida, empolgante e cheia de razões para vivê-la. Encontre emoção em tudo que se relaciona à sua carreira.

16 - Sempre encontre tempo para a família. Nenhuma carreira vale mais que momentos em família, não abra mão disso. Quando uma empresa possui programas que lhe afastam do convívio familiar ela está apenas interessada em sua mão-de-obra e não na sua totalidade como talento humano. Pais são o coach dos filhos e devem ser inspiradores para eles.

17 - Toda paixão profissional e idéias consistentes são capazes de gerarem resultados e, o melhor, não possuem fronteiras!

18 - Todo brilhantismo tem de parecer casual para quem vê e precisamente proposital para quem executa.

19 - Para se chegar ao produto final relevante é preciso que todos os envolvidos tenham profundo conhecimento daquilo que fazem e, principalmente, uma tremenda dose de determinação.

20 - Quanto um produto tem conteúdo e instantaneidade ele fica especial.

21 - Para fazer um trabalho diferenciado nunca perca uma certa dose de atrevimento.

22 - Mantenha suas opiniões definitivas volúveis e em constantes mudanças.

23 - Não importa o quanto um serviço ou produto seja relevante: encontre meios para transformá-los em mais relevantes ainda.

24 - Antigamente filho saía de casa e a gente rezava. Hoje ligamos no celular ele não atende e a gente desmaia. Esse é um dos resultados da sofisticada era da comunicação.

25 - Práticas “do manual” tornam as pessoas em suas organizações muito iguais, ficando muito semelhantes. Descubra práticas diferenciadas.

26 - Pessoas dentro de sua carreira devem esquecer a satisfação do cliente e ir muito mais além, devem se preocupar com o sucesso de seu cliente.

27 - Toda diversidade faz definir a verdadeira característica das empresas, realça o momento do talento e implementa a aquisição e o desenvolvimento destes talentos.

28 - Nosso tempo de realização de tarefas tem diminuído e as tarefas aumentando, portanto o conceito de preparar, apontar e atirar, talvez tenha de ser invertido, devemos é ir atirando e ajustando a mira, a cada tiro.

29 - Carreiras devem hoje desenvolver percepções que possam oferecer ao cliente soluções ou estratégias lucrativas, as quais ainda não foram prospectadas pelo cliente.

30 - Toda tecnologia de poder tem seu lado negro, toda grande luz faz uma enorme sombra. É neste lado negro e nesta enorme sombra que reside a fraqueza não computada de muitas ações de empresas e pessoas. Quando a luz surge é necessário também medir a dimensão da escuridão.

31 - Toda carreira deve criar sentido de direção e uma atuação gerenciada, onde se detém um conhecimento capaz de fazer anotações nas páginas do futuro.

32 - Carreiras masculinas devem aprender com carreiras femininas que são experts em manter marcas através dos tempos consumindo-as e fidelizando-as, uma disciplina de negócios que cria resultados. Carreiras masculinas não pedem informação quando estão dirigindo seu carro nem tampouco quando estão dirigindo sua carreira, mas as mulheres estão sempre prontas para tomar uma decisão e se informarem.

33 - Em sua carreira encontre tempo para planejar e executar as coisas de maneira certa, caso contrário terá de encontrar muito mais tempo em sua carreira para reparar as coisas erradas.

34 - Neste nosso corpo com 6 trilhões de células, a cada seis semanas mudamos todos os átomos dele e neste processo quando se conhece a posição de um átomo, dizem os cientistas, sabe-se a posição de outro. Em nossa carreira temos centenas de decisões importantes para tomar e quando tomamos a decisão nutritiva sabemos que as conseqüências serão benéficas.

35 - Desenvolva o espírito de liderança em seu contexto de carreira, eis aí a alma simbólica da mente coletiva de uma organização.

36 - Entre tantas coisas que fazemos em nossa vida, buscar motivos para nosso encorajamento de seguir os caminhos, as decisões e escolhas que surgem durante este percurso nos faz pessoas mais vigorosas.

37 - Clientes hoje estão e são impacientes, desejam tudo para ontem, nenhuma de suas estratégias de carreira pode ser produtiva sem execução, por mais burocrata que seja sua empresa pelo menos de sete a 10 processos que possua internamente são de profunda importância para ter sua atenção. Cliente hoje quer resultados.

38 - Fique com atenção em sua carreira aos processos de sua empresa, mas nunca deixe de melhorar suas atividades individuais.

39 - As carreiras são modelos mentais. Faça sempre uma avaliação de tudo que pode descobrir sobre seu cliente, sua empresa e ainda mais sobre você, procurando ferramentas adequadas para desenvolver-se, pois sem elas não é possível gerar e implementar competência. Ferramentas mais competência geram as idéias que podem governar. E, no futuro das carreiras, governar negócios será exclusividade das idéias.

40 - Na construção de uma carreira sempre batemos de frente com questões universais: É fácil dizer coisas, atuar com aquilo que dizemos é um conflito. Conviver com nossos desafios é nossa diferença. Manter nossos passos alinhados com nossa fala, o compromisso nunca se resume na palavra, mas na ação, não nos amarrarmos em conversas de corredor promovidas pela rádio peão, entre tantas outras questões... e daí... vamos experimentando nossa existência e sempre colocando em nossa mesa apenas os alimentos que agradam nosso paladar profissional.

41 - Encontre sempre desafios motivadores, caso contrário estará sempre se envolvendo com regras e cumprimento de normas engessadoras.

42 - Você sabe onde está o gargalo de sua carreira? Esta resposta pode fazer enorme diferença quando a encontrar diante de uma análise honesta e sincera de sua atuação.

43 - Não se preocupe se sua empresa privatiza os lucros e socializa o custo: mais que fazermos algo por nossa empresa devemos fazer por nós mesmos.

44 - Quando direcionamos uma carreira para outra empresa, um comportamento interessante é que muitas pessoas agem como quando trocam um relacionamento: usam a técnica da comparação. Comparam as qualidades do novo relacionamento com os defeitos do antigo relacionamento e, de início, tudo parece óóótimo... uma verdadeira dádiva. Mas a convivência com o novo relacionamento vai mostrando também que tem defeitos. Dê o seu melhor sempre, procure viver o melhor sempre e deixe que certas coisas se encarreguem delas mesmas.

45 - Quando segmentamos nossa carreira, um item merece atenção especial: o cuidado para não torná-la discriminativa.

46 - Carreiras têm por seu papel serem reconhecidas assim como uma mãe pleiteia ser reconhecida como mãe, um pai como pai, um amigo como amigo... Nem sempre você vai receber o reconhecimento que deseja ou pensa merecer, mas isto não deve lhe desmotivar em dar sempre o melhor de sua capacidade. Aprenda que são os próprios pintores e escultores que mais vibram com suas obras.

47 - Cuidado com o sino da boiada: ele pode te levar ao pasto ou para o curral, mas também para o matadouro. O sino da boiada é o fluxo que o mercado segue. Não baixe a cabeça e se faça de surdo: ouça o sino, mas certifique-se para onde está indo.

48 - Faça sempre uso da tecnologia disponível como suporte em suas decisões.

49 - Tempo é o que faz uma coisa acontecer depois da outra, uma pessoa de sucesso na carreira é aquela que usa o tempo e sua disposição para fazer algo que alguém que busca o sucesso não está com disposição para fazer.

50 - Os princípios básicos para as pessoas se tornarem mais produtivas e eficientes são os mesmos há milhares de anos. Ter os seus princípios já relacionados, em posição estratégica no seu comportamento, pode lhe manter no caminho de uma promissora carreira.

51 - Muitas pessoas não se desenvolvem em suas carreiras pelo fato de terem saúde ruim, muitas preocupações, postergarem tudo, não lembrarem de seus compromissos, desperdiçarem tempo, possuírem falta de foco, estarem sempre se auto-interrompendo, não desenvolvendo assim a autodisciplina. Estes itens podem compor uma relação de princípios que devem estar sempre sob controle.

52 - Carreiras hoje, exigem que as pessoas possuam equilíbrio, simplicidade, desejo de sucesso, eficiência e, principalmente, vontade de serem realizadoras.

53 - O grau de compromisso que você tem com suas atividades, vai determinar o grau de seu desempenho; o grau de preocupação que você tem com as pessoas, vai determinar o nível de relacionamento que elas vão ter com você; o grau de crença que possui naquilo que deseja da vida, vai determinar o nível de suas realizações.

54 - Nenhuma carreira pode tomar fôlego sem o uso de caráter, esta capacidade de tomar uma decisão é que realmente vale a pena.

55 - Muitas vezes as pessoas que mais amamos, que mais confiamos, que mais colocamos esperança, são as mesmas que nos fazem sofrer e isto ocorre pelo fato de fazer parte de nossa vida, somente aquilo que vivenciamos com quem está próximo de nós. Sempre em meio a um fator de decepção segue-se uma lição que precisa valer durante nosso percurso em busca de nosso próprio caminho. Aprender a escrever na areia faz com que tudo seja esquecido mais rápido e não nos incomode por muito tempo.

56 - Você pode escolher em sua carreira agir ou deixar que outros ajam sobre você ou por você.

57 - Quando César ainda era Comandante do Exército Romano, criou a Espada Romana, a espada curta, para que seus soldados pudessem estar mais próximos de seus inimigos e terem o controle da batalha. Com esta espada, Roma conseguiu o impulso necessário para conquistar seus territórios e inspiração para criar novas armas de guerra. Nossa carreira tem de ser uma Espada Curta Romana, onde temos a chance de estarmos perto de nosso objetivo, estarmos atracados naquilo que desejamos a ponto de predominarmos em nossa atuação.

58 - Na conquista de uma carreira devemos esquecer muitas coisas, mas devemos lembrar de muitas outras como: aniversários dos filhos, da esposa e o seu próprio aniversário. Cultivar valores, ter lealdade e integridade a eles, fazer deles nossa prioridade nos diferencia entre espírito e matéria. Seus valores são as coisas que você tem disposição de arriscar sua própria vida para defendê-los.

59 - Em tempos remotos de guerra, Generais antes de tomarem uma decisão enviavam soldados para ver a batalha e trazer informações para serem analisadas em seu birô, porém os soldados muitas vezes levavam 4 dias para chegar ao campo de batalha e mais 4 dias para voltar ao Quartel General. Quando o general tomava a decisão enviava novamente o soldado para o campo levando a ordem da nova estratégia de batalha e, muitas vezes, quando a solução da vitória estava a caminho, a batalha já tinha sido perdida. Fique à frente de suas batalhas necessárias ao crescimento de sua carreira.

60 - Inventar o novo, reinventar o velho, criar para cá, criar para lá... Criatividade é colocar a sua inteligência em movimento, é decidir o que vai fazer com o que lhe inspira e transpira, colocando a inteligência como ponto de partida para a criatividade vencer. Uma pessoa inteligente inventou a roda, uma pessoa criativa colocou um eixo entre duas rodas; um chinês inteligente inventou o macarrão, um italiano criativo o transformou no prato mais famoso do mundo.

61 - Outro dia enquanto um mestre de obra despedia um pedreiro me disse: “é Seu Cesar, não adianta ferramenta boa na mão de cabra ruim, quem é ruim é ruim com qualquer ferramenta...”. Não reclame da falta de condições em sua empresa, nem tampouco espere as condições chegarem, descubra-as, invente-as, se vire.

62 - Nunca abandone seus sonhos, se você desistir, vai carregar a dor de não ter conseguido, se persistir, será uma pessoa alimentada pela esperança de um futuro melhor e a sua esperança no futuro é que vai lhe dar força no seu presente. Todo sonhador é um louco, todo sonho é uma loucura, mas quando o sonho se realiza, o sonhador de torna um sábio e sonho sabedoria.

63 - Valorize-se, mas nem tanto, pior que não ser, é pensar que é. Estou falando daquele tipo de pessoa que quando é procurada para resolver algo diz: falou com o dono da empresa, mas não falou comigo... Tem pessoas que se valorizam tanto que terminam por se tornarem inviáveis de se conviver, de se contratar e até de se tolerar. Dê valor à sua capacidade, mas permita que seu campo de atuação determine o grau de valorização que lhe compete.

64 - Ter uma bússola não é garantia que se está no rumo certo. Ampliação de visão, possibilidade de gerar conhecimento em sua mente, levando uma bússola na mão, inspiração no coração, paixão pela profissão, fazendo do aprendizado muito mais que informações, fazer dele um despertar do saber com emoção e entusiasmo é que vai lhe conduzir ao seu destino.

65 - Mesmo atitudes por mais simples que pareçam, quando não executadas podem causar um transtorno e tanto em sua carreira. Imagine uma recepção onde o prato é sanduíche de metro, mas a cozinha esqueceu de cortar o sanduíche em pedaços: os convidados começam a se servirem e daí como fica? Dê a devida importância às mais simples atitudes e gestos.

66 - Aconteça o que acontecer em sua carreira, não se contamine com sua própria sabotagem emocional, não desperte em você motivo de desculpas, as justificativas do porque não, e tantas outras teias de aranha que limitam seu poder de raciocínio, decisão e escolha.

67 - Toda pessoa, ao iniciar uma carreira, deveria estudar a Teoria da existência do Formigueiro, onde as lições organizacionais são exemplares e profundas; onde a união vence as deficiências mais intrínsecas e o respeito edifica uma sociedade voltada ao trabalho em equipe.

68 - Eu fazia uma palestra e tive a oportunidade de notar em minha platéia a presença de uma pessoa que construiu uma carreira brilhante, Carlos Alberto Parreira. Ao final conversamos no pé do palco e num determinado momento lhe fiz uma sugestão para sua palestra que seria no dia seguinte. Quando cheguei ao meu quarto, percebi a besteira que fiz, pensei comigo: “mas que presunção a minha, sugerir ao Parreira algo sobre futebol para ser mostrado em sua palestra”. Durante todo o dia seguinte procurei-o pelo hotel para me desculpar, mas não o encontrei. Fui para sua palestra e num determinado momento ele cita meu nome e a conversa que tivemos e inseriu a sugestão que lhe dei como item de sua apresentação. Ao final fui lhe falar e contar sobre meu pedido de desculpas. Ele sorriu e disse: sua sugestão foi muito boa Romão, tanto que a inseri na palestra, por mais sucesso que tenhamos, jamais podemos fechar os nossos olhos aos olhos do outros, é com esta humildade que se mantém o sucesso de uma carreira. Minha admiração por ele já era enorme, pela sua história de vida, seus desafios e vitórias e ele reforçou minha opinião de que profissionais grandes, são grandes porque sabem como tratar os pequenos. Obrigado por sua amizade amigo.

69 - Seja sempre o mais original possível, comportamentos alheios ao seu jeito são como cera diante do calor, uma hora derretem e mostram a verdadeira face das coisas. Não pratique pirataria pessoal, não se falsifique, seja você mesmo.

70 - Você ainda vai dar de cara com um gerente ou diretor de aluguel: aqueles modelos que são contratados para fritarem pessoas dentro das organizações, aqueles que implantam programas de impacto, só para impactar sua presença e autoridade. Aqueles que vão logo cortando: cortando verba de treinamento, cortando orçamento estratégico e vão agulhando sua contabilidade emocional... Calma... Calma... Contra resultados e competência não existem argumentos. Trabalhe nas prioridades e sempre ofereça resultados: eles são o seu amortecedor contra profissionais de aluguel.

71 - Carreira é um montão de momentos e a vida não é mais complicada que o amor e o trabalho, temos de lutar para facilitar nosso próprio caminho, e não colocarmos gabaritos em nossos processos organizacionais que fazem nossos valores ficarem institucionalizados.

72 - Catadores de papel estão fazendo de sua profissão algo maior em sua carreia, encontrando mais significado: estão se transformando em agentes do meio ambiente, pois os mais interessados estão recebendo treinamento na área e participando dos processos de reciclagem do meio ambiente. Outro dia conversei com um deles que já faz contas de quantas árvores foram salvas pelo volume de papel que consegue arrecadar em suas andanças. Amar sua carreira, qualquer que seja ela, desperta tanto significado em sua atuação que faz nascer um brilho especial nesta carreira. Nossa atuação no Universo vai além de onde nossos olhos alcançam.

73 – Brida era uma cachorra condenada por diversos veterinários em seus diagnósticos, porém muito próxima de meu filho Arthur, com 03 anos na época. A única coisa a fazer diante de sua doença era sacrifica-la, pois tinha apenas alguns dias de vida e estava sofrendo muito. Numa manhã quando falávamos do assunto, meu filho Arthur sumiu dentro de nossa casa e o procuramos por muito tempo, já com muita preocupação, quando decidi olhar na casinha de Nira, e lá estava ele deitado abraçando a sua cachorra. Brida tinha se tornado violenta em razão de suas dores, é estava praticamente impossível chegar perto dela. Quanto tentei retirar Arthur de sua casinha ela quase me mordeu. Já estávamos dispostos a usar tranqüilizantes, quando Arthur resolveu sair da casinha e vir para meus braços. Durante três dias, durante muitas horas por dia, Arthur passou seu tempo dentro da casinha de Brida e sua indignação quando não permitíamos era tanta, que resolvemos deixa-lo fazer o que queria. No terceiro dia ele entrou com Brida em casa, praticamente sentado sob ela, e após muito tempo vendo-a sofrer, ela parecia feliz e novamente estava dividindo seu carinho com todos da família. Brida estava curada, os veterinários que lhe deram três dias de vida, não souberam explicar o que aconteceu e ela viveu feliz com Arthur e nossa família por mais 18 meses. Ali aconteceu à força de uma atitude nutritiva de uma criança, a força nutritiva de um amor entre um animal e uma criança que prolongou a vida e a alegria dos dois. No dia que Brida faleceu Arthur nos avisou um dia antes que amanhã Brida estaria partindo, e ela partiu deixando para Arthur um filhote, Nira e quando ela partiu, Athur abraçou Nira e sorriu.

74 - Muitas vezes tomamos uma decisão em determinados assuntos, muitas vezes estas decisões no decorrer de sua caminhada, não nos parece a ideal e nos arrependemos dela. Na verdade acredito que em alguns casos não somos fieis o suficiente em nossas decisões para ter noção de sua influencia em nossa vida. Tomar a decisão de se casar com alguém ou assumir um amor, sempre é a melhor opção naquele instante, o difícil é fazer valer esta decisão, faze-la acontecer, investir nela e ser responsável por ela. Na maioria das vezes voltamos atrás em nossas decisões sem saber o seu real desfecho. Somente indo até o final daquilo que escolhemos poderá nos fazer descobrir, o quanto nossa decisão pode nos fazer feliz ou influenciar de forma nutritiva nossa vida.

75 - Certos casais passam tantas coisas difíceis para ficarem juntos e quando conseguem, começam a se desentender por razões muito pequenas. Tem mulher que briga com o marido por que ele aperta a pasta de dente no meio; tem marido que briga com a mulher por que ela demora a se arrumar na saída para festa; tem mulher que briga com o marido por coisas tão inferiores aquelas que desafiaram em seu compromisso de união, e tem maridos que brigam com suas mulheres por razões tão insignificantes diante daquelas que ela venceu para estar com ele. A vida tem destas coisas, e são estas coisas que precisamos aprender a combater. O que realmente importa é aquilo que sentimos por quem amamos e os quantos estamos dispostos a investir neste relacionamento.

76 - Tudo que nos acontece na vida queira ou não, estamos sempre no centro destes acontecimentos, o grau de atuação nestes acontecimentos, o grau de compromisso e empenho que temos nestes acontecimentos, vai definir os resultados que iremos obter.

77 - Existem pessoas que sempre reclamam da escassez de recursos para iniciarem algo na vida. Porém nas histórias de sucesso, se observa-las com atenção, poderá notar que o Nada, sempre foi a matéria-prima empregada nas conquistas de quem venceu. Talvez o Criador primeiro tenha em seus planos, nos transformar em rochas para depois nos esculpir a sua maneira, primeiro nos fortalece e depois nos permite sermos realmente a imagem de nosso destino.

78 - Viver consiste em administrar riscos, arriscar é viver. Conhecer significa abrir nossos pré-conceitos, nos tornarmos observadores, usarmos nossa capacidade para causar reflexões que podem despertar nossas melhores emoções, sentimentos e inspirações para podermos seguir entre tantas adversidades e oportunidades, neste universo que está para nos servir e nós para servi-lo.

79 - Albert Einstein mostrou ao mundo que Energia é igual à massa, a velocidade da luz ao quadrado: E=MC².
Uma formula que traz de maneira subliminar o grande segredo também das atitudes nutritivas se vista pelo meu anglo: Emoção = Motivação, a conscientização ao quadrado – E=MC².
Nossa emoção pelo que acreditamos nos motiva a buscar nosso melhor e quando atingimos um estágio ao quadrado de consciência, estamos muito mais próximos de nosso coração e nossos reais valores.

80 - Vencer com ética é difícil em qualquer parte, vencer com este instrumento que é nosso código para atuarmos de acordo com aquilo que acreditamos, este norte-do-bem, realmente não é simples, porém as únicas vitórias que podem se perpetuar na vida das pessoas são as vitórias conseguidas com ética.

81 - Nosso processo motivacional está ligado ao nosso sistema genético, fazemos parte da classe dos mamíferos, condicionados a percorrer as mesmas rotas durante a vida, encontrando conforto no peito, no leite e no colo. Somos muito fáceis para sermos motivados e também desmotivados. Está é razão da motivação ser como banho: precisamos tomar todos os dias, de alguma maneira. Todos os dias devemos praticar algo que nos motive, nem que seja por apenas alguns minutos, só assim conseguimos combater as teias de aranha do cérebro.

82 - Entre todos os itens que podem motivar pessoas um deles se mostra capaz de tornar-se permanente: pessoas motivam-se quando encontram eco naquilo que buscam, ou seja, pessoas se motivam quando obtém resultados. Desta forma também encontram força em seguir num ritmo promissor que as deixa num estado de satisfação e felicidade.

83 - Antes de se motivar pessoas é extremamente necessário encaminhá-las em uma direção que possam transformar seu esforço em resultado positivo. Pessoas motivadas sem esta visão terminam por baterem num tremendo paredão e, muitas vezes, depois da trombada não encontram meios de continuar. Motivação é capacitar pessoas com competências que as façam transformar seu esforço em resultados positivos.

84 - O talento de alguém pode desaparecer, caso esta pessoa não o valorize, fazendo dele apenas um instrumento utilizável no dia-a-dia. Talento é algo que precisa ser mantido através de prática, através de treinamento e incentivo.

85 - Já estive no fundo do poço algumas vezes. A primeira delas foi quando sofri meu acidente e tive de conviver por um longo tempo dentro de um hospital, sem saber ao certo qual seria o destino de minha perna direita. Mas é interessante como toda adversidade sempre nos traz um fio de esperança e quando se chega ao fundo do poço, pode-se notar que lá existem andares ainda mais baixos que o nosso. Nesses andares estão pessoas em situações ainda mais tristes e todas nos dizem palavras de conforto e terminam por serem um acionamento propulsor capaz de nos trazer de volta para o topo do poço e sairmos dele.

86 - Algumas pessoas quando atingem o auge perdem a motivação, por inversão de valores. Elas estavam preparadas para vencer competições, desafios ou ganhar dinheiro e, quando conseguem, sentem-se vazias, pois não conseguiram crescer em seu interior como “gente”. É necessário se preparar profissionalmente, mas também nos prepararmos “dentro” de nós mesmos com nossos valores humanos.

87 - Certa vez Og Mandino me deu um conselho: que eu deveria começar meu dia lendo um jornal mas, que não iniciasse a leitura pelas notícias políticas, porque possivelmente isso me deprimiria; também não deveria começar pelas notícias econômicas, pois essas roubariam minha motivação; não deveria ler as páginas policiais, pois ficaria com medo de sair para o trabalho; e, menos ainda, as páginas esportivas, pois se o meu Palmeiras tivesse perdido o jogo eu me sentiria goleado. Og me recomendou iniciar a leitura do jornal pelo obituário. “Sim Cesar Romão, pelo obituário” – disse ele – “Pela relação das pessoas que morreram naquele dia e não pule nenhum nome”. “Sabe Cesar, quando chegar ao final da lista, vai perceber uma coisa fantástica: descobrirá que seu nome não está naquela lista e que as pessoas ali mencionadas fariam tudo para estar onde você está, mas não podem, pois, infelizmente, elas estão mortas e você está vivo. E. se você está vivo Cesar, milagres podem acontecer em sua vida, agora, hoje! Se você está vivo Cesar não dever perder sua motivação... só assim seus anseios podem se tornar realidade!”

88 - Situações são difíceis quando temos pouco ou nenhum conhecimento sobre o funcionamento racional deste feito. Sempre que estamos em situações difíceis devemos procurar descobrir um aprendizado e buscar o conhecimento que nos auxilie a solucioná-las.

89 - Nosso preparo para viver, deve sempre envolver nosso racional e nossa intuição. Sempre em conjunto. Nunca se envolva demais de maneira racional numa dificuldade e nunca se envolva demais, também, emocionalmente. Tem de haver um equilíbrio.

90 - Pessoas vencedoras são aquelas que fizeram do difícil uma ponte para o possível. As adversidades hoje são um paradoxo, sempre vão estar em nosso caminho, mas não significa que permanecerão lá.

91 - É no fogo que o aço encontra sua melhor forma e sua densidade mais resistente. É no calor e na pressão da terra que o carvão se transforma em diamante. Portanto são nas adversidades que nós seres humanos, podemos exercitar nossa fé, nosso conhecimento e nossa missão.

92 - Seja qual for a difícil situação que estiver enfrentando agora, pense nela como uma fase para ser transposta e não como uma barreira dizimadora de sua motivação. O Criador é um jogador de xadrez e muitas vezes antes de nos ensinar o Xeque-Mate da vida, Ele nos coloca em pequenos xeques, para avaliar nossas habilidades. Você pode estar em situação difícil agora. Mas, parabéns, pois ainda você está no jogo da vida!

93 - Nossos riscos emocionais são aqueles que conquistamos ao longo do tempo vitórias, através da própria vivência, da própria prática de condutas morais e, principalmente, através do processo de busca humana, envolvendo nosso crescimento interior e nossa espiritualidade. Vivemos nossas emoções e sentimentos, aprendemos, e com eles sorrimos, choramos, nos decepcionamos e, finalmente, ficamos felizes quando alinhamos nossa mente ao nosso coração.

94 - Estamos sempre praticando novas formas de nos relacionar com amigos, parentes e o sentimento de amor, somos impulsionados geneticamente nesta direção. As coisas acontecem muitas vezes neste âmbito independente de nossa vontade. Nossas escolhas são feitas por aquilo que conseguimos vivenciar na esfera da existência humana.

95 - Em situações de risco, é necessário extrair a maior recompensa do nível de risco aceitável, manter a agressividade progressiva com prudência, aprender com experiências de riscos anteriores e estar permanentemente em alerta vermelho.

96 - Pessoas que buscam uma colocação no universo profissional devem sempre estar nos caminhos que produzam um comportamento com pró-atividade numa política de conseqüências, perspectiva de otimização e do desenvolvimento da capacidade de mobilização de suas estratégias.

97 - Na linha da prioridade do tempo, como não sabemos o que é realmente importante, tudo parece importante! E, como tudo parece importante, achamos que temos de fazer tudo. Outras pessoas nos vêem fazendo tudo e passam a esperar que façamos tudo mesmo., Fazer tudo nos faz pessoas ocupadas pois não temos tempo de pensar sobre o que é realmente importante, transformamos assim nossa gestão do tempo em indigestão do tempo. Lembre-se: valores controlam o nosso comportamento e princípios as nossas conseqüências.

98 - Otimismo é um sentimento! Sim, um sentimento! Ele trata de algo que está correndo por dentro das pessoas resultando num comportamento. Neste padrão de comportamento desenvolve-se o hábito de uma crença de positivismo e esperança em relação a fatos que possam fazer parte da vida cotidiana de uma pessoa, através do qual ela transforma interiormente adversidades em possibilidades e tem sempre uma visão de que tudo pode ficar melhor do que está, e ainda de que o final pode sempre ser feliz.

99 - Temos de encontrar coisas para fazer na vida que nos dêem a sensação de estarmos vivos, que nos dêem a sensação de estarmos jovens. Cumprir a vida é compreender a marcha, abrir uma caça individual contra nossa ineficiência e ampliar nossa eficácia.
Quando desistimos de algo que desejamos, apenas facilitamos para quem vem atrás de nós, deixando-lhe uma vaga.

100 - Paixão é um sentimento que cria enzimas positivas em nosso metabolismo, colocando nosso corpo para funcionar em nosso benefício, Paixão, necessita ser identificada e complementada com o desenvolvimento de competências. Sua paixão pode estar adormecida em atitudes que faria por hobby e podem ser transformadas em resultados positivos em sua vida. Paixão é um sentimento mágico que torna nossas ações mágicas e faz surgir à nossa frente o caminho que precisamos. Adote sua paixão como referência de seus objetivos. As maiores oportunidades da vida sempre escolhem a porta das pessoas apaixonadas pelo que fazem para ali entrarem e permanecerem. Tenha paixão pela vida, tenha paixão por tudo que faz, assim a vida e tudo que você fizer também vão se apaixonar por você.



CONCLUSÃO

Quanto mais tempo vivemos, é necessário que compreendamos o impacto das atitudes sobre nossas vidas, elas são uma importantíssima realidade naquilo que fomos, naquilo que somos e naquilo que desejamos ser.

Nossas atitudes possuem influência direta em nosso desempenho e em nossos pensamentos e devem se basear sempre em informações válidas e não em histórias nascidas e contadas por pessoas que “ouviram o galo cantar”, mas que não possuem a mínima noção de onde, como, quando e para que ele cantou.

Entre tantas atitudes que tomamos muitas nos levaram ao sofrimento, a dor e ao desconforto pela vida, porém talvez quando decidimos por elas com as informações e emoções que tínhamos, pensamos estar agindo corretamente. Outras vezes colocamos nossas atitudes em ação, mesmo inconscientemente, levados por instantes inexplicáveis. As conseqüências são as colheitas que temos ao longo do tempo e durante esta colheita nos questionamos: porque tomei esta atitude; por que não tomei aquela atitude; na próxima vez vou decidir por atitude melhor... Mas tudo já está feito, ali um amor pode ter perdido a chance de nascer, uma oportunidade pode ter escapado, uma amizade pode ter sido desperdiçada, tudo em função de uma atitude.

Talvez uma de nossas missões de existência seja a de sofrer, aprender e renascer diante de nossas atitudes, razão pela qual devemos considerá-las como um dos grandes desafios de nosso destino.

Quem sabe se, antes de evidenciarmos uma atitude, pudéssemos submetê-la melhor aos nossos pensamentos, às nossas reflexões, às nossas emoções e ao nosso coração, estaríamos diante de um futuro mais compatível com nosso destino.

Com tantos “talvez” e “quem sabe se” nessa vida em que vivemos, de uma coisa devemos ter certeza: “Atitudes Nutritivas são a nossa força para viver e crescer nessa nossa Missão!”.

Cesar Romão
www.cesarromao.com.br
2008 © Copyright
Registrado conforme Lei nº 9.610/98

Imprimir Comente Enviar este artigo


volta