ARTIGOS


NÃO ARRISQUE O ESSENCIAL

Num mundo cada vez mais competitivo, cada vez mais aumentam os níveis de risco de todos os lados, seja no campo profissional ou pessoal. A experiência do risco e convívio com ele tem feito parte do dia e da vida de muita gente. Um detalhe importante é nunca arriscar sem avaliar o risco. O risco pode ser avaliado através de uma minuciosa equação que mostra o mínimo e o máximo de conseqüência nas duas direções sob o pendulo da intuição. Ao tomar uma decisão é necessário levar em conta: fatos coligados e opiniões experientes.

Existem algumas coisas que nunca devem ser colocadas em risco, são elas: sua família; sua ética; sua honra e sua fé. Caso coloque um destes itens em risco talvez não tenha chance de arriscar mais nada na vida. Nem tudo que parece risco é risco, muitas coisas necessitam apenas serem destrinchadas, onde se promove o conhecimento de parte por parte. Quanto mais sabemos sobre algo, mais temos chance de formar uma opinião adequada sobre este algo. Pessoas que obtém sucesso em situações de risco, sempre possuem um conhecimento detalhado da situação.

Viver em situações de risco também não é o ideal, risco pode causar sorrisos, mas também é um mensageiro de lágrimas. Arriscar para buscar estabilidade é sempre uma boa opção. Arrisque o que arriscar lembre-se: sua família é seu porto seguro; sua ética é seu passaporte; sua honra é sua arma e sua fé é sua força. Todos estes itens juntos fazem de você uma pessoa privilegiada, fazem de você uma pessoa com mais chances de vencer com mais oportunidades promissoras, mantenha-os em segurança, longe de riscos, longe de farpas e duvidas. Quem tem muito deve arriscar pouco, quem tem pouco deve aprender muito sobre arriscar algo antes de faze-lo.

Cesar Romão
www.cesarromao.com.br
2010 © Copyright
Registrado conforme Lei nº 9.610/98

Imprimir Comente Enviar este artigo


volta